sábado, 3 de novembro de 2012

Publicado no Brasil



Aceitei o desafio. 
Mandei um trabalho para a Editora Multifoco, do Rio de Janeiro. Se fosse seleccionado seria publicado, o que aconteceu. Na Colectânea de contos O Tempo De Cada Um, da colecção Antologia, cuja capa reproduzo do exemplar que a editora me enviou, estão publicados quinze autores, todos eles brasileiros, à excepção deste vosso amigo.
Sobre o meu trabalho, O Tempo de Todos os Tempos, escreve a editora:
“…delicada construção sobre a vida comum e os desígnios entre Deus e o demo. Aqui o xadrez aparece como em O Sétimo Selo de Ingmar Bergman. Quem leva a partida? Quem dará o xeque-mate…?
Perdoem-me, mas não quis deixar de partilhar convosco a alegria que sinto.
Na página 61 lá está O Tempo de Todos os Tempos


 

13 comentários:

São disse...

PARABÉNS!!!

Mas só tem mesmo que partilhar connosco - que o estimamos e admiramos - a alegria desse merecido sucesso.


Aplaudindo de pé, o abraço com todo carinho, Carlos!

Catsone disse...

Muito parabéns!!!

Rogério Pereira disse...

Feliz por ti
Feliz pelos teus leitores

e...por isso... feliz também por mim...

(depois diz como hei-de comprar)

quem és, que fazes aqui? disse...

PARABÉNS!

E como posso ter acesso ao livro? Pela editora ou vai ser lançado aqui?

Beijinho

Laura

Acho que o meu outro comentário não entrou.Se estiver e duplicado, desculpa.

Carlos Albuquerque disse...

Meus amigos,
O livro foi laçado no Rio de Janeiro. Tanto quanto sei não o será aqui.Segundo a editora alguns dos contos poderão, eventualmente, ser adaptados para TV. O meu seria uma deles. Nada, porém, está confirmado.
Esperarei para ver. Logo que tenha mais informação dela darei conta.
Um abraço e obrigado.

Rosa Carioca disse...

Que Maravilha!
Muitos Parabéns!
Mas é claro que tinham de publicar.
Seus textos são sempre lindos!!!

Carlos Albuquerque disse...

Referência na Net ao livro e à editora.
Aqui:
http://www.editoramultifoco.com.br/literatura-loja-detalhe.php?idLivro=889&idProduto=917
Grato

Teresa Santos disse...

Uau, Parabéns,

Vês porque é que passo a vida a gritar por ti, a pedir que regresses, que estejas connosco?

Vou tentar ler o texto.

Abraço muito grande, meu Mwata.

P.S. Posso partilhar o teu orgulho, posso?

Raquel Abrantes disse...

Parabéns, Carlos! Fico feliz que tenha gostado do trabalho. Seu texto foi peça fundamental do livro.

Abraços deste lado do mar.

Raquel.

OBS: Apareça no blog!

http://apuraessenciadoser.blogspot.com

Filoxera disse...

Muito bem!
Mais que merecido.
PARABÉNS!
Beijinhos.

Teresa Santos disse...

Meu Mwata,

Chegou a minha vez de fazer uma pausa.
No post, em jeito de despedida, manifesto a minha alegria pelo teu regresso.

Tudo de bom, meu Mwata.
Abraço grande.

Fê-blue bird disse...

Meu amigo estou tão feliz por si!!!
A sua escrita é cativante e cheia de emoções, não me admira portanto a distinção.
Gosto tanto de ver os meus amigos felizes!!!

beijinhos

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Muitos parabéns, Carlos, acredite que partilho a sua alegria.
No entanto, não me espanta a distinção.Neste blog que agora felizmente parece ter recuperado, é bem visível a qualidade da sua prosa
Abraço