domingo, 7 de março de 2010

Dia da Mulher



Assinala-se amanhã o Dia da Mulher. Faço-o de véspera
A ti

A ti, que de impulso em impulso, de ousadia em ousadia, venceste sonhos e pesadelos, viveste amores alucinados, desvarios, paixões desfeitas, sentires sossegados e dores de mágoa, ultrapassaste fúrias, não te perdeste em abismos, e te fizeste árvore frondosa, guardiã de jardins de cores e sons.
A ti, guerreira teimosa.
A ti, virgem, mulher, amante, menina velha, prostituta.
A ti, que rezas e maldizes.
A ti, que dás vida, trazes a aurora em voo livre. A ti, seiva.
A ti, que de sorriso florido, ou de beleza escondida em olhos tristes, qualquer que seja a cor da tua pele, o traço do teu rosto, e desenhem o que desenharem as linhas da tua mão, é vermelho o sangue que te banha as veias e te alaga o coração.
A ti, virgula, pausa retemperadora, têmpera do aço em que a vida escreve o seu livro, fêmea prenhe, mãe do Universo, ponteiro das horas do Mundo.
A ti, que iluminas becos escuros, rasgas avenidas e alamedas, e percorres caminhos levando a vida pela mão.
A ti, que choras, sofres, morres e ressuscitas.
A ti, que danças em salão, no coreto, na rua, ou apenas no teu sonho.
A ti, sedução, amor, traição, ciúme, revolta, tempestade, saudade gritada, bonança.
A ti, flor e espinho, sabor dum instante, momento de fulgor, carícia dum presente, choro dum desencanto, esperança dum futuro.
A ti, companheira, mãe e avó, colo e seio de aconchego, ombro de repouso, porto de abrigo, sal de destemperos, ninho de amor. Presença sempre.
A ti, Mulher, ofereço a flor que ali está.

29 comentários:

MIUÍKA disse...

Muito obrigada meu querido amigo,pela parte que me toca como mulher,pela bela mensagem,pena é que só tenhamos um dia por ano para o mundo se lembrar que existimos.
Um grande beijinho da amiga...MIUÍKA

Pérola disse...

Bom dia minha linda.
Que postagem maravilhosa,cada dia me convenço q ser mulher é tudo de bom.
Eu me amo e ñ consigo viver sem mim rs.
Parabéns p/ti também.
Um dia lindo.
Beijos.

Dani disse...

oi Carlos!
bom diaa! :)
brigadinha pela homenagem!
belo gesto!
beijinhoss

Agulheta disse...

Querido amigo.Penso que nas palavras todas as coisas foram ditas,por mim gostei, e sei que a sua gostou igual,pela forma gentil e apaixonada como exprimiu a palavra amor e MULHER.
Beijinho Lisa

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDO CARLOS, MARAVILHOSO TEXTO/POÉTICO... ADOREI AMIGO... ABRAÇOS DE CARINHO E TERNURA,
FERNANDINHA

MauFeitio disse...

Olá Carlos! Mil obrigadas e um abraço de Angola, onde o dia da mulher é feriado.

Sonhadora disse...

Carlos
Nem tenho palavras, para descrever um tão belo momento de pura poesia.
Pela minha parte...OBRIGADA.

Beijinhos com carinho
Sonhadora

Rosa Carioca disse...

Lindas palavras.

Maria João disse...

Carlos

Muito bonita esta homenagem à mulher. Agradeço, comovida.
Tomara que todas as mulheres, desprezadas, renegadas, esquecidas, desvalorizadas e maltratadas com tudo o que não é digno de lhes darem, pudessem ler o que escreveu. Tomara... porque seria, por certo, um dos raros momentos em que a vida as faria sorrir.

Bem Haja

Amapola disse...

Nossa... que lindo!
Aceito a homenagem e a flor, com o maior carinho. E retribuo com um grande abraço apertado.

Boa semana.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Como vem sendo hábito lá no Rochedo, o dia de amanhã será totalmente dedicado às mulheres. Apesar de não ser muito favorável à data, penso que é uma boa oportunidade para recordar o caminho que as mulheres tiveram de percorrer e as lutas que tiveram de enfrentar, para se equipararem aos homens. Ainda há muito caminho a percorrer, mas as conquistas alcançadas pelas mlheres nas sociedades ocidentais fora notáveis.

Ricardo Calmon disse...

Belo belo, Meu Bom e Amado Escriba e Poeta ,do Amor Sem Fim,Data Venia,de Miuíka ,amadíssima amiga e escriba ,discordo,pois o ano inteiro,a mulher tributo em camos meus de Girassois!
Ela Bem Sabe ,e não sou o único!
Te abraço,companheiro das escritas pela VIDA VIVER!

VIVA LA VIDA!

Ricardo Calmon disse...

PAZ em CORAÇÃO TEU MERMÃO!

VIVA LA VIDA!

Teresa disse...

Muito bonito!
Que sorte tem a mulher a quem dedica esta homenagem, porque há sempre Uma que é especial!
Bjs

Lala disse...

Mas que bela homenagem de palavras sentidas. De sentimentos escritos por uma mão em forma de coração. De alma para alma. Belíssimo, Carlos.
Pela parte que me toca (se tocar) agradeço de coração rejubilante e alma perplexa.

Um beijinho**

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Parabéns, xará. Mais uma bela e justa homenagem que leio hoje. Parabéns à todas que passam por aqui. Um abraço e ótima semana

Fernanda disse...

Querido amigo Carlos,

Só alguém tão especial, com um coração enorme e lindo, de uma sensibilidade extrema, escreveria um texto dedicado às Mulheres tão belo quanto este.

Dá vontade de te abraçar e te dizer
OBRIGADA, ÉS ÚNICO!!!
Bem hajas!

Um beijo enorme da amiga,

Fernanda disse...

Querido amigo,

Esqueci-me de dizer que guardarei esta rosa no coração.

Beijinhos

Manuela Freitas disse...

Olá Carlos,
Que maravilhoso texto dedicado ao nosso dia, embora todos os dias sejam nossos!...
Senti-me emocionada com a sua homenagem e que bom seria que todos os homens pudessem estar assim ao lado das mulheres, com um respeito recíproco!...
Beijinhos,
Manuela

Vivian disse...

...Todas as Vidas

Vive dentro de mim
uma cabocla velha
de mau-olhado,
acocorada ao pé
do borralho,
olhando para o fogo.

Benze quebranto.
Bota feitiço
Ogum. Orixá.

Macumba, terreiro.
Ogã, pai-de-santo.

Vive dentro de mim
a lavadeira
do Rio Vermelho.
Seu cheiro gostoso
d'água e sabão.
Rodilha de pano.
Trouxa de roupa,
pedra de anil.
Sua coroa verde
de São-caetano.

Vive dentro de mim
a mulher cozinheira.
Pimenta e cebola.
Quitute bem feito.
Panela de barro.
Taipa de lenha.
Cozinha antiga
toda pretinha.
Bem cacheada de picumã.
Pedra pontuda.
Cumbuco de coco.
Pisando alho-sal.

Vive dentro de mim
a mulher do povo
Bem proletária
Bem linguaruda,
desabusada,
sem preconceitos,
de casca-grossa,
de chinelinha,
e filharada.

Vive dentro de mim
a mulher roceira.
-Enxerto de terra,
Trabalhadeira.
Madrugadeira.
Analfabeta.
De pé no chão.
Bem parideira.
Bem criadeira.
Seus doze filhos,
Seus vinte netos.

Vive dentro de mim
a mulher da vida.
Minha irmãzinha
tão desprezada,
tão murmurada
Fingindo ser alegre
seu triste fado.

Todas as vidas
dentro de mim:
Na minha vida -
a vida mera
das obscuras!

Cora Coralina

...Carlos querido,
obrigada sempre!

beijos

maria teresa disse...

Sem palavras!
Apenas me ocorre: MUITO OBRIGADA e parabéns à MULHER que partilha a vida consigo...
Abraço terno

Silvana Nunes .'. disse...

Lindo. Muito obrigada.
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... deseja uma boa semana para você.
Beijo grande.

quicas disse...

Eu possa ser pétala dessa linda flor!
Um abraço de felicitação pelo texto

Elaine Barnes disse...

Obrigada pela visita, pela música, pelo texto maravilhoso e estou levando minha flor! Afinal não é sempre que uma mulher ganha um botão de ternura. Montão de bjs e abraços femininos

Fernanda disse...

Querido amigo Carlos,

Tem lá na minha casa uma lembrança que espero que aceite.
Seria uma grande honra para mim.

Beijinhos

Filoxera disse...

Olá, Carlos.
Respondi ao seu comentário no EQ lá mesmo, mas venho aqui reiterá-lo.
O que seria das mulheres sem os homens? Claro que o Mundo precisa de uns e de outros e acho óptimo comemorarem em conjunto este dia ou outro qualquer.
Beijinhos.

continuando assim... disse...

obrigada Carlos

vou deixá-la secar para que nunca morra

bj
teresa

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Lindo! Muito obrigada, amigo*
Para vc, Carlos, que quer o mesmo que eu*

*Quero ignorado, e calmo

Por ignorado, e próprio

Por calmo, encher meus dias

De não querer mais deles.

Aos que a riqueza toca

O ouro irrita a pele.

Aos que a fama bafeja

Embacia-se a vida.

Aos que a felicidade

É sol, virá a noite.

Mas ao que nada espera

Tudo que vem é grato.

Fernando Pessoa *Ricardo Reis*

*E eu quero não muito mais do que isso*

Beijos*
Bom Hoje
Renata

ematejoca disse...

Que bela ode a todas as mulheres, meu caro Carlos, tendo, sem dúvida, um cunho muito especial para só UMA.

Esta fantástica homenagem à mulher, assim como as homenagens diàrias do nosso amigo Carlos, demonstram, que não foi só a mulher, que evoluí nestes últimos anos, mas também alguns homens.

Estou grata a ambos!!!