segunda-feira, 11 de outubro de 2010

É tempo

É tempo de percebermos que políticos, salvo excepções que disso não passam, banqueiros e economistas não vivem senão o sentido doente porque o mundo e eles próprios caminham.
É tempo de nos libertarmos da confusão entre o que nos faz falta e o que querem que desejemos. De virarmos costas ao engano.
É tempo de entendermos que políticos, banqueiros e economistas são homens vulgares, mas que dentro de cada um deles pode existir um homem fatal.
É tempo de nos precavermos, de nos deixarmos de ir atrás.
É tempo de, um a um, nos irmos ensinando a ser o povo que queremos.
É tempo de abrirmos a janela ao vento revolto.
É tempo de passarmos a ser.

12 comentários:

Rogério Pereira disse...

Da minha janela vejo (quase) tudo
Abri-la há muito que o fiz
e dela vejo tudo o que me diz...

É tempo de passarmos a ser!

Abraço

Ah, já me esquecia de perguntar
quer esta petição assinar?

http://www.peticaopublica.com/PeticaoVer.aspx?pi=P2010N3117

Carlos Albuquerque disse...

Rogério Pereira
Creio já a ter assinado, mas vou lá outra vez.
Abraço

Maria disse...

É tempo de resistir.
É tempo de lutar!

Abraço.

Marilu disse...

Querido amigo, aqui no Brasil estamos em época de eleições, e estamos entre a cruz e a caldeirinha...tá difícil demais...Tenha uma linda semana. Beijocas

TERESA SANTOS disse...

É mais do que tempo, meu Mwata!

Agulheta disse...

Amigo.É tempo de abrimos a janela e reflectir,o que queremos para nós,filhos e netos.
Beijinho

Carla Farinazzi disse...

Acho a lucidez uma grande característica em um homem. Acompanhada da consciência, então, torna-o gigante.

Carlos, eis você. Um gigante. Absolutamente admirável.

Beijo

Carla

acácia rubra disse...

É altura de se começar a gritar NÃO.

Beijo

maria teresa disse...

É tempo de sermos, é mais do que tempo...mas não podemos só senti-lo e afirmá-lo, há que agir mas como?
Abracinho

MARIINHA disse...

Faço minhas as palavras da Maria Teresa.
Mas deve haver uma maneira, tem de haver.
Um abraço

Catsone disse...

Carlos, não te esqueceste dos publicitários ;)

Abraço

Fernanda disse...

Amigo Carlos!

O tempo urge. Esperemos que não seja já tarde demais!

Beijos