terça-feira, 25 de agosto de 2009

Aniversário

Hoje faço anos. Uma catrefa!
Nao havia as auto-estradas da UE, nem IPs. CRIL e CREL muito menos. O inventor das rotundas estava por nascer. Só picadas!
Fartei-me de afastar pedras e galgar buracos para aqui chegar!
De uma das viagens veio ao colo a saguí, a Beliza; de outra, ao peito, o papagaio, o Tomás!
Ainda de outra, mais tarde, à Serra da Estrela, veio o Duque, de lingua de fora e cauda tipo limpa-vidros, dentro de uma caixa, enjoado, a vomitar!
Por vezes apareceram pedragulhos. Dei a volta, ora pelo lado, como por cima!
Agora as contas começam a ser diferentes. Já não digo mais um ano, mas menos um!
Já não há Beliza, nem Tomás, nem Duque, só um Ficus e um Bambu no escritório.
E este PC com o Windows XP Professional Edition, o Mozilla e o Explorer, ora um, ora outro,em convivência democrática. Pois claro! Aqui mando eu!
Jantar de família. Catorze à mesa. Risos de criança – muitos!
Velinhas? Talvez, e o mais que se verá.

9 comentários:

rosário albuquerque disse...

e este ano os parabéns da filha pelo blog ;)
PARABÉNS PAI. A Carolina já disse "espero que o avô logo esteja melhor...". Eu gostava que estivesses bem, mas essa prenda parece não estar ao meu alcance...
foste lembrar-te da bicharada?! a primeira não conheci, do Tomás não gostei mas o Duque deixou saudades. Até logo :)

MauFeitio disse...

Parabéns!
O que conta não são os anos que se viveramos que falta viver mas sim a forma como se viveram. E pelo que leio deste blog, parece-me que foram bem vividos!

AFRICA EM POESIA disse...

Carlos
Um beijinho grande de parabens...

e não sabia que o menino era calcinhas de Luanda.

meu amigo...
estamos juntos...nesta saudade e neste recordar tudo de bom para ti

um beijo



LUANDA


Luanda...
Tão linda...
Tão mágica...
Com a tua cor...
Com as tuas gentes...
Com a tua luz...
Ao reflectir-se na baía...
O teu sonho...
O meu amor...
És mesmo tu...
Luanda...

LILI LARANJO

Maria João disse...

Carlos

Aqui deixo também as minhas felicitações. Um aniversário é sempre um momento importante, um dia que marca todos os outros de mias um ou menos um, não importa... O que realmente merece ser festejado é a vida! Espero sinceramente que a tua se prolongue por muitos mais, para que continues a vivê-los com prazer e a contá-los, juntos daqueles que amas.

Um beijinho de parabéns

Filoxera disse...

Muitos parabéns!
Espero, sinceramente, que o aniversário tenha sido um dia tão feliz como o que eu vivi na Sexta.
Um abraço.

Sofá Amarelo disse...

PARABÉNSSSSSS!!! 14 à mesa, óptimo número, e risos de crianças.. haverá com certeza uma concertina e uma menina que tinha longas tranças (como dizia o José Cid).

As pessoas verdadeiras merecem um abraço apertado... é o que eu envio daqui deste Sofá!!!

Carlos Albuquerque disse...

Obrigado a todos pelos parabéns!
Rosário: A Carolina está cada vez mais linda, o Miguelito um assombro, a Mariana uma senhorinha!.Bela tribo, a tua!
MauFeitio: Os anos até aqui foram bem vividos, sim! Mas, sabes, apesar de já aqui ter chegado, dou por mim a pensar que muito há ainda para dizer e fazer. Vamos ver se não dá um vipe ao Tempo e se pira antes de tempo!
África Em Poesia: Calcinha de Luanda,pois!Com muita água do Bengo bebida. Estamos juntos, claro. Obrigado por deixares aqui o poema. Um Kandandu muito grande.
Maria João: É como dizes. Festejei a vida na companhia dos que mais amo. Nada há como isso! Foi bom. Um beijo.
Filoxera: Foi um dia feliz! O mais pequenino dos 14 exigiu sentar-se à minha direita, a mais pequena, a seguir a ele, à minha esquerda. Foi uma festa de risos, brincadeiras e mimos. E eu todo "Babado". ;)
Sofá: Houve, sim, concertinas. Tocaram-nas os corações. E meninas lindas de risos claros e doces carícias. Obrigado pelo teu abraço apertado, que me sensibilizou.

Ana Barata disse...

Ó Carlos! Ainda vou a tempo de lhe dar um abraço com votos de mais um ano a conseguir trocar às voltas ao pedregulho e/ ou pedrita que lhe apareça no caminho, integrando essa equipa fantástica de 14 (e os mais que vierem) com os risos infantis que irradiam vida e alegria para tomar balanço para mais um, e outro, e outro?!
Aqui fica, pois, com a certeza de que da próxima serei mais atenta. também é verdade que não o tenho visitado muitas vezes, não sou grande gestora do meu tempo! pode ser que melhore!
Muitos parabéns!

Carlos Albuquerque disse...

Ana Barata,

Obrigado pelo abraço de parabéns. Os atrasos não o são, quando se chega deste modo.
Venha quando e sempre quiser. Que o sempre seja constante. É bem-vinda.
Bjs